Jornal A Tribuna – 26.06.2016 – Concursos: Formigas são exemplo de sucesso

27 de junho de 2016 0 Comments

Jornal A Tribuna - Formigas[Clique na imagem para expandi-la]

Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado Federal Encaminha Convite para William Douglas

24 de junho de 2016 3 Comments

Caros amigos,

Acabo de receber o convite abaixo. Isso me alegra por vermos que o Senado está preocupado com o aperfeiçoamento dos concursos públicos. Isso confirma, mais uma vez, o que sempre digo: vamos continuar a ter concursos e, com o esforço de todos, concursos cada vez melhores, a bem da sociedade brasileira. (mais…)

Jornal da USP Especial – 23.06.2016 – Inclusão Social na USP

24 de junho de 2016 0 Comments

O Jornal da USP publicou um caderno especial sobre ações afirmativas. Entre os artigos, um de minha autoria. Quem quiser olhar, recomendo ver todo o material. Lendo meu artigo, agradeço seu feedback.

Inclusão na USP

[Continue Lendo]

Intenções

23 de junho de 2016 0 Comments

(mais…)

A Importância do Ornitorrinco para o Poder Judiciário: Primeiras impressões sobre a Resolução nº 226/2016, do CNJ, o coaching e os juízes professores

21 de junho de 2016 0 Comments

 

William Douglas, juiz federal e professor

O CNJ editou a Resolução nº 226/2016, que alterou a Resolução nº 34/2007, para prever, no art. 5°-A, a proibição de magistrados exercerem as atividades de coaching e similares, que (segundo a Resolução) consistem na assessoria para progressão profissional, inclusive na disputa de concursos públicos.

A primeira impressão é de que se reveste de tentativa de evitar abusos e estou certo de que esta é a intenção precípua do CNJ. Contudo, equivoca-se por divorciar-se do real significado e alcance do conceito tratado e por entender que ajudar alguém a passar nos dificílimos concursos públicos é atividade sem mérito ou sem conteúdo de magistério. Outro equívoco é chamar uma atividade evidente de ensino, logo, de magistério, de “assessoria”.

Escrevo em primeiras linhas, apenas para trazer notícia imediata sobre o quanto equivocada, foi essa decisão. Ela, pelo seu grau de teratologia e irrazoabilidade que carrega, merece ser revista, a bem da ordem jurídica, do bom senso, e em especial, do respeito à Constituição Federal e aos professores e concursandos que prestigiam o serviço público e o Poder Judiciário com seus esforços. (mais…)

Blog da Casa do Concurseiro – 20.06.2016 – As maldades de sempre: a falácia da suspensão dos concursos

21 de junho de 2016 1 Comment

Blog A Casa do Concurseiro

[Continue Lendo]

Que confusão!

18 de junho de 2016 1 Comment

Conexão Folha Dirigida – 17.06.2016 – Estudar é a resposta correta à suspensão

17 de junho de 2016 0 Comments

Concursos - Conexão - Folha Dirigida - Estudar é resposta correta à suspensão

[Confira o Vídeo]

As Maldades de Sempre: a Falácia da Suspensão dos Concursos

14 de junho de 2016 4 Comments
por William Douglas

Juiz Federal/RJ, professor universitário e escritor,
pós-graduado em políticas públicas mestre em Direito/RJ,
titular da 4ª Vara Federal de Niterói, vara premiada por produtividade.

 

Os concurseiros de primeira viagem estão desanimados com as notícias de que não ocorrerão concursos. Se você é um deles, leia este texto.

Não sofra com as maldades de quem deveria ajudar, mas atrapalha. Não se deixe desanimar pelas falas pouco sábias de nossos governantes. E, menos ainda, pela miopia administrativa que os assola. Pior, este tipo de mentalidade mantém-se viva tanto em governos do PT quanto do PMDB. Pior que eles, anoto, só o PSDB, que historicamente é aquele que menos realiza concursos. E, mesmo assim, pasmem: os realiza. Sim, é certo que alguns administradores canhestros, de todos os partidos, gostariam de acabar com os concursos. Preferiam colocar nos cargos amigos, parentes, amantes, cabos eleitorais e desocupados incompetentes, coisa que fazem com boa parte dos cargos comissionados. Porém, felizmente, em todos os partidos há aqueles que leem a Constituição e sabem que não há como fugir disso: os concursos precisam ser realizados. Adiou aqui, acumulou mais um para fazer ali, daqui a pouco.

(mais…)

E se você fosse o herdeiro de um homem rico?

10 de junho de 2016 3 Comments

segredos-fullbanner

por William Douglas

Imagine que você é filho de um homem muito rico, e tem apenas um irmão. Seu pai, prestes a falecer, os chama e lhes dá uma escolha: um ficará com a fortuna inteira, outro com um livro que ensina como aquela fortuna foi conquistada. Você, o filho mais velho, escolherá primeiro. O que escolheria? (mais…)