2016

Últimos dias de 2016

28 de dezembro de 2016 4 Comments

Caros amigos, boa tarde!

Espero que vocês estejam aproveitando estes últimos dias de 2016 para fazer uma reflexão e que estejam se preparando para 2017.

Todos estão dizendo que foi um ano bem duro e difícil, e foi (!), mas se vc está lendo essa mensagem, não tem como negar que sobreviveu a ele e está em condições de continuar a lutar pelos sonhos e pelo pão de cada dia.

As previsões para 2017 não são muito otimistas, mas creio que podemos mudar nosso futuro e influenciar o nosso entorno.

Também acredito que aqueles que seguem bons princípios e lançam boas sementes irão colher mais e melhor, assim como, e em especial isso, creio que Deus responde nossas orações e abençoa nosso trabalho quando feito de forma honesta e boa vontade.

Então, parabéns por ter “sobrevivido” a 2016, lembre de agradecer por tudo de bom que aconteceu nele. E que 2017 seja recebido como massa de modelar, algo que, em nossas mãos, pode tomar uma boa forma.

Abraço forte,

william douglas

Fórum de Oportunidades – Nova Iguaçu/RJ

24 de setembro de 2016 0 Comments
Saiba mais

Conferência Global – Brasília/DF

1 de agosto de 2016 0 Comments
Saiba mais

As Maldades de Sempre: a Falácia da Suspensão dos Concursos

14 de junho de 2016 8 Comments
por William Douglas

Juiz Federal/RJ, professor universitário e escritor,
pós-graduado em políticas públicas mestre em Direito/RJ,
titular da 4ª Vara Federal de Niterói, vara premiada por produtividade.

 

Os concurseiros de primeira viagem estão desanimados com as notícias de que não ocorrerão concursos. Se você é um deles, leia este texto.

Não sofra com as maldades de quem deveria ajudar, mas atrapalha. Não se deixe desanimar pelas falas pouco sábias de nossos governantes. E, menos ainda, pela miopia administrativa que os assola. Pior, este tipo de mentalidade mantém-se viva tanto em governos do PT quanto do PMDB. Pior que eles, anoto, só o PSDB, que historicamente é aquele que menos realiza concursos. E, mesmo assim, pasmem: os realiza. Sim, é certo que alguns administradores canhestros, de todos os partidos, gostariam de acabar com os concursos. Preferiam colocar nos cargos amigos, parentes, amantes, cabos eleitorais e desocupados incompetentes, coisa que fazem com boa parte dos cargos comissionados. Porém, felizmente, em todos os partidos há aqueles que leem a Constituição e sabem que não há como fugir disso: os concursos precisam ser realizados. Adiou aqui, acumulou mais um para fazer ali, daqui a pouco.

(mais…)