Notícias

Turbante para todos

1 de maio de 2017 0 Comments
por William Douglas

Recentemente, critiquei quem negou a uma jovem branca o direito de usar turbante. Sustentei que o mesmo não é propriedade de nenhuma cultura ou país em especial e que ninguém tem o direito de impedir outra pessoa de usar a roupa que deseja. Pois este artigo é sobre o mesmo assunto: ninguém tem o direito de impedir outra pessoa de usar a roupa que deseja.

O turbante na branca não deveria ser visto como algo ruim, mas como parte de um processo de evolução da sociedade, no qual a beleza do turbante e a generalização de seu uso, além de ser mero exercício de direito de cada um, também torna cada vez mais comum (e menos sujeito a ataques) o seu uso. Hoje estou aqui para falar do turbante na mulher negra. (mais…)

Fraude nas cotas

25 de março de 2017 0 Comments
por William Douglas

Duas notícias.

Primeiro, copio artigo publicado no Jornal O GLOBO, em 06/08/2016, texto em coautoria minha com o Frei David Santos, líder da Educafro e especialista em ações afirmativas. (mais…)

Apropriação Cultural

11 de fevereiro de 2017 0 Comments
por William Douglas

Recentemente o portal Huff Post do Brasil divulgou artigo no qual uma jovem de Curitiba, com câncer, relata ter sido abordada por estar usando um turbante. O artigo levanta a questão de ativismo e apropriação cultural.

Pessoalmente, acho que criticar “apropriação cultural” é uma lástima. Turbante não é propriedade de nenhuma raça, gênero ou grupo. Turbante é turbante. Não precisa ter câncer para poder usar.

Notícias como essa são tão fora de propósito que não podemos deixar de imaginar que são fake. Infelizmente, algumas não o são, mostrando uma intolerância e chatice cada vez maiores.

Uso camisas africanas porque são lindas, já usei cabelo trançado e não acho que estou me apropriando de nada por isso, ao contrário. Acho que estou fazendo uma homenagem, um elogio. É bonito, é meu também! rsrs

Também acho triste alguém falar de dividir meios de produção e riqueza e criar polêmica com assuntos como camisas, cabelos e turbantes.

Trabalho por um mundo onde o acesso a todas as riquezas, desde um turbante bonito até o acesso a trabalho e educação,
seja aberto a todos, sem distinção.


Confira artigo original

Em defesa da UERJ

17 de janeiro de 2017 0 Comments

Pessoal,
Vamos tornar viral este vídeo em defesa da UERJ:

Trata-se de vídeo bem curto sobre a importância da Universidade, traduzida em seus números mais expressivos, para facilitar o compartilhamento pela internet e redes sociais. Em apenas 1 minuto e meio, muitas razões para toda a sociedade defender a Uerj.

Lava Jato, de onde veio e para onde vamos

30 de outubro de 2016 2 Comments
por Deltan Dallagnol e Orlando Martello

A equipe da Lava Jato formou-se para o combate a crimes financeiros e de lavagem de dinheiro praticados por doleiros como Alberto Youssef. Jamais se imaginou, inicialmente, topar com um esquema de corrupção.

Foi uma surpresa quando se reuniram provas da lavagem de cerca de R$ 26 milhões ligados a um contrato da refinaria Abreu e Lima. Meses depois, quando Paulo Roberto Costa decidiu colaborar, sua narrativa foi estarrecedora: a confissão foi muito além daquele contrato.

Propinas eram pagas nos grandes negócios da Petrobras. Estávamos falando, como descobriríamos mais tarde, de R$ 6,2 bilhões só de subornos, valor que seria reconhecido pela estatal. Mas as investigações – e o prejuízo aos cofres públicos – não pararam por aí. (mais…)

PEC 241 e Concursos

12 de outubro de 2016 9 Comments

Muitos estão me perguntando sobre a PEC 241 e os concursos especialmente em minhas redes sociais. O professor e juiz federal Erik Navarro publicou uma artigo sobre o tema, com o qual concordo, no que  no que diz respeito aos concursos.

“Concursos sempre houve e sempre haverá. Como em tudo na vida, as oportunidades aparecem para quem está preparado. Portanto, esteja preparado!”

(mais…)

Conheça Nádia, vencedora do “Desafio do Grafeno”

29 de setembro de 2016 2 Comments

Nádia Ayad

Essa é a Nádia Ayad. Ela está no 5º ano de Eng Materiais do IME (Instituto Militar de Engenharia) e ganhou a competição global “Desafio do Grafeno” patrocinada pela Suécia. O desafio consiste em criar maneiras inovadoras de utilizar grafeno (um dos materiais vindos do carbono, como o diamante) na construção civil.

Parabéns Nádia! Brasil sendo muito bem representado em competições internacionais.

Confira entrevista com a ganhadora!

Saiba mais sobre o desafio da Nádia.

Elogio aos servidores da 4ª Vara Federal de Niterói

22 de julho de 2016 2 Comments
por William Douglas

Formulo ELOGIO, a ser consignado nas respectivos assentamentos pessoais de cada servidor, pelo desempenho.

Embora o elogio não seja novo, podendo ser visto como repetitivo, o fato é que a classificação – mais uma vez – em 1º lugar também é repetitiva e, felizmente, tem sido rotineira. Isto, contudo, não tira o mérito pelo desempenho e a justiça em se elogiar. Os merecimentos estão novamente presentes e os servidores , consequentemente, devem ter novo elogio. (mais…)

O Supremo Tribunal Federal e o dever constitucional de assegurar a revisão geral anual

21 de julho de 2016 0 Comments
por William Douglas e André Luiz Maluf*

O inciso X do artigo 37 da Constituição Federal determina que, anualmente, todos os servidores devem, ao menos, receber uma recomposição equivalente à corrosão inflacionária para manter o valor real de seus salários: essa é a posição do Ex-Ministro do Supremo Tribunal Federal Carlos Mário Velloso.

Em artigo publicado na Conjur, em 17 de julho de 2016, defende que “o funcionalismo público federal, de longa data, sequer tem a recomposição inflacionária anual, diminuindo-se periodicamente os valores salariais batalhados com muita dificuldade.” (mais…)

Livro “As 25 leis bíblicas do sucesso” chega aos EUA!

12 de julho de 2016 0 Comments

DouglasTeixeira_25LawsAmigos,

Divulgo a página  do catálogo da Baker Books, uma das três maiores editoras cristãs dos EUA, que está preparando a versão em inglês do livro As 25 Leis Bíblicas do Sucesso,

A edição em inglês terá seu lançamento será em  Março/2017 nos Estados Unidos.

O livro deve seu sucesso em especial a Deus e ao excelente trabalho da Ed. Sextante, que o editou no Brasil.

Já está publicado na Letônia, em Portugal e em espanhol para EUA. Fechamos contratos também com Argentina, México e Romênia e, em fase final de fechamento, Coreia do Sul.

Agradecemos também a todos que fizeram e fazem parte das nossas histórias.

Abraços

William Douglas e Rubens Teixeira

 

Segredos de Fé e de Sucesso, entrevista com Reinaldo Morais

11 de julho de 2016 3 Comments
por William Douglas

WD_RMAutor de Segredos de Pai para Filho, o empresário Reinaldo Morais, tem experimentado, no mercado editorial, o mesmo sucesso que já conquistou no agronegócio nacional, do qual é um dos principais empreendedores. A obra, que é seu primeiro livro e foi lançada há cerca de um mês, alcançou o topo da lista do portal especializado PublishNews e no ranking dos mais vendidos da Revista Veja. Nesta entrevista, o presidente do Conselho Editorial da Editora Impetus, William Douglas, conversa com Reinaldo sobre o sucesso do livro e as motivações que o levaram a escrever Segredos de Pai para Filho. Confira.

WILLIAM DOUGLAS – Conhecemo-nos em um evento, no qual pude ouvi-lo contando um pouco de sua história de vida e trajetória profissional. Fiquei tão impressionado com seu relato que resolvi convidá-lo a escrever um livro pela Editora Impetus, e assim nasceu Segredos de Pai para Filho. Quais são, afinal de contas, os segredos mais importantes que devemos aprender?

REINALDO MORAIS – Em primeiro lugar, acredito que devemos procurar estar no lugar certo, na hora certa, fazendo a coisa certa. Tenho pautado minha vida pessoal e minha carreira como empresário por alguns princípios que conto no livro. Um deles é que, quanto mais qualificação você puder adquirir, e mais disposto ao trabalho estiver, mais sucesso terá em suas realizações. É preciso trabalhar duro, seja qual for nossa ocupação. Se fizermos tudo com excelência e estivermos sempre de olhos abertos para as oportunidades e circunstâncias ao nosso redor, mais chances teremos de sucesso. Em minha vida, fiz de tudo: entre outras coisas, limpei estrume, fui vendedor ambulante, fiz serviços domésticos e atuei como vendedor. Em todas essas atividades, sempre procurei ser o melhor, adotando soluções inovadoras e métodos para aumentar sempre a produtividade. Nunca desprezei qualquer oportunidade. Hoje, sei que estou na posição que ocupo graças ao duro aprendizado de tempos passados. (mais…)

Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado Federal Encaminha Convite para William Douglas

24 de junho de 2016 3 Comments

Caros amigos,

Acabo de receber o convite abaixo. Isso me alegra por vermos que o Senado está preocupado com o aperfeiçoamento dos concursos públicos. Isso confirma, mais uma vez, o que sempre digo: vamos continuar a ter concursos e, com o esforço de todos, concursos cada vez melhores, a bem da sociedade brasileira. (mais…)

A Importância do Ornitorrinco para o Poder Judiciário: Primeiras impressões sobre a Resolução nº 226/2016, do CNJ, o coaching e os juízes professores

21 de junho de 2016 6 Comments

 

William Douglas, juiz federal e professor

O CNJ editou a Resolução nº 226/2016, que alterou a Resolução nº 34/2007, para prever, no art. 5°-A, a proibição de magistrados exercerem as atividades de coaching e similares, que (segundo a Resolução) consistem na assessoria para progressão profissional, inclusive na disputa de concursos públicos.

A primeira impressão é de que se reveste de tentativa de evitar abusos e estou certo de que esta é a intenção precípua do CNJ. Contudo, equivoca-se por divorciar-se do real significado e alcance do conceito tratado e por entender que ajudar alguém a passar nos dificílimos concursos públicos é atividade sem mérito ou sem conteúdo de magistério. Outro equívoco é chamar uma atividade evidente de ensino, logo, de magistério, de “assessoria”.

Escrevo em primeiras linhas, apenas para trazer notícia imediata sobre o quanto equivocada, foi essa decisão. Ela, pelo seu grau de teratologia e irrazoabilidade que carrega, merece ser revista, a bem da ordem jurídica, do bom senso, e em especial, do respeito à Constituição Federal e aos professores e concursandos que prestigiam o serviço público e o Poder Judiciário com seus esforços. (mais…)

Blog da Casa do Concurseiro – 20.06.2016 – As maldades de sempre: a falácia da suspensão dos concursos

21 de junho de 2016 1 Comment

Blog A Casa do Concurseiro

[Continue Lendo]

As Maldades de Sempre: a Falácia da Suspensão dos Concursos

14 de junho de 2016 7 Comments
por William Douglas

Juiz Federal/RJ, professor universitário e escritor,
pós-graduado em políticas públicas mestre em Direito/RJ,
titular da 4ª Vara Federal de Niterói, vara premiada por produtividade.

 

Os concurseiros de primeira viagem estão desanimados com as notícias de que não ocorrerão concursos. Se você é um deles, leia este texto.

Não sofra com as maldades de quem deveria ajudar, mas atrapalha. Não se deixe desanimar pelas falas pouco sábias de nossos governantes. E, menos ainda, pela miopia administrativa que os assola. Pior, este tipo de mentalidade mantém-se viva tanto em governos do PT quanto do PMDB. Pior que eles, anoto, só o PSDB, que historicamente é aquele que menos realiza concursos. E, mesmo assim, pasmem: os realiza. Sim, é certo que alguns administradores canhestros, de todos os partidos, gostariam de acabar com os concursos. Preferiam colocar nos cargos amigos, parentes, amantes, cabos eleitorais e desocupados incompetentes, coisa que fazem com boa parte dos cargos comissionados. Porém, felizmente, em todos os partidos há aqueles que leem a Constituição e sabem que não há como fugir disso: os concursos precisam ser realizados. Adiou aqui, acumulou mais um para fazer ali, daqui a pouco.

(mais…)

Bolsas Educafro – Lista de Alunos Contemplados [Divulgação de Parceiros]

3 de junho de 2016 0 Comments

Amigos,

As Bolsas William Douglas, na Educafro, já estão liberadas. Para saber se você foi contemplado, entre em contato com a própria Educafro.

Educafro

Últimos acontecimentos

23 de maio de 2016 5 Comments

por William Douglas Tenho evitado me manifestar sobre o tema, mas vou abrir uma exceção. Bem, falaram muito do Moro, que ele era seletivo etc e.

Saiba mais

Um País Igual para Todos e Outras Esperanças em Meio ao Caos [Atualizado]

18 de março de 2016 21 Comments

por William Douglas Quando os caminhoneiros prometeram parar o país eu repeti que ninguém pode impedir o direito de ir e vir de outrem, nem.

Saiba mais

As 25 Leis Bíblicas na Letônia!

17 de março de 2016 1 Comment

O bestseller As 25 Leis Bíblicas do Sucesso, de William Douglas e Rubens Teixeira, chegou nas livrarias da Letônia!

Publicado pela editora Zvaigne ABC, a obra terá lançamento oficial em Abril/2016.

 

25Leis Letônia

Juízes, Judiciário e Estado de Direito

13 de março de 2016 2 Comments

Juiz

por William Douglas

Na qualidade de professor, não considero o melhor caminho o pedido de prisão do Lula, mas quem tem que decidir isso é a juíza, e sem pressões ou ameaças. E se ela errar na decisão, cabe recurso aos tribunais competentes. Quanto à Lava Jato, minha opinião é que está tendo resultados positivos, localizando provas e obtendo recuperação de dinheiro público desviado, assim como revelando práticas de corrupção que o Brasil precisa superar. Se as decisões tomadas ali contiverem erros, é para isso que existem os recursos e os tribunais.

É inaceitável, por atentar contra a República e contra o Estado Democrático de Direito, qualquer ação tendente a inibir o funcionamento do Poder Judiciário, seja essa tentativa feita por políticos, por partidos ou por quaisquer outras organizações ou pessoas. O que todo cidadão pode e deve exigir é que todas as suspeitas de corrupção, de todos os partidos, sejam apuradas. Espero que TODAS as investigações pelo país afora cheguem a TODOS os corruptos de todos os partidos.

Querer impedir investigações alegando que há “perseguição” é um absurdo. A discordância em relação à atuação do Judiciário e do Ministério Público só pode ser veiculada na forma da lei, nunca através da força.

Estamos vivendo momentos em que autoridades públicas de outros Poderes estão atacando diretamente o Poder Judiciário. Vale lembrar que o governo atual está há 13 anos no poder, tendo indicado a maioria dos membros do STF e STJ, os quais têm cumprido o papel de rever as decisões das instâncias inferiores.

É inaceitável ver pessoas ameaçando de morte um juiz federal no exercício das funções do cargo e que tentem, pela força, intimidar uma juíza estadual no exercício das funções do cargo. Além disso, é crime de responsabilidade um Presidente da República atentar contar o livre exercício do Poder Judiciário e/ou do Ministério Público (art. 85, CF).

A possibilidade de um ex-presidente ser ou não conduzido, preso, processado ou condenado é discussão que só pode ocorrer dentro do que prevê a legislação, que dispõe de todos os recursos necessários a garantir o direito de defesa e o devido processo legal. Convocar ou incitar pessoas a usarem de violência para se furtar à ação da Justiça, ou para impedir que pessoas que pensam diferente manifestem seu direito de opinião e/ou reunião é igualmente inaceitável.

Assim, conclamo a todos que reflitam com serenidade a respeito do grave momento em que estamos: abrir mão do primado da Constituição e das leis a fim de proteger interesses pessoais ou partidários é inaceitável. Qualquer ação de qualquer pessoa contra o funcionamento do Poder Judiciário deve obter do Estado, da Polícia, do MP e do próprio Judiciário a resposta da lei e o uso, na medida da necessidade, da força, com quantas prisões, processos e condenações forem necessários para que se mantenha o império da lei.

Qualquer pessoa que sustente o desrespeito às instituições deve ser percebida como alguém agindo fora da lei e a merecer da mesma a resposta apropriada. Não podemos aceitar a bagunça, nem a ilegalidade, nem o desrespeito à democracia e às conquistas que já tivemos. Quem quiser ganhar no grito ou no braço, e não através da Lei e do Direito, deve ser preso e/ou processado, na forma da lei.

Espero que investiguem TODOS os partidos e TODOS os suspeitos, mas não aceito que queiram impedir a atuação do Poder Judiciário alegando razões que ultrapassam o conteúdo dos autos, dos fatos e da lei processual, cuja análise cabe ao juiz da causa, sempre sujeito aos recursos previstos em lei. Também repudio a tentativa de desqualificar os magistrados ao invés de se discutir as provas dos autos.

Faço votos que no dia 13 de março de 2016 todos os brasileiros, de qualquer linha de pensamento ou opinião, manifestem-se livremente, sem tentarem impedir e sem serem impedidos por quem pensa de forma diferente, zelando, todos, pelos Princípios do Estado de Direito e pelo respeito ao que dispõe a Constituição Federal.

Formigas na Lista dos Mais Vendidos [PublishNews]

11 de março de 2016 0 Comments

Lista de Mais Vendidos de Autoajuda de 29_02_2016 a 06_03_2016 _ PublishNews2

Adquira já o seu!

William Douglas, Cidadão Valadarense

10 de março de 2016 0 Comments

Após o acidente ocorrido com a barragem de rejeitos da mineradora Samarco, em Novembro/2016 em Mariana (MG), muita gente se mobilizou em todo o país.

Saiba mais

Família em Tiras – Operação Governador Valadares

20 de novembro de 2015 0 Comments

valadares-campanha-familia-em-tiras

A família em tiras está apoiando a operação!

O que queremos? Educação x Baderna

24 de outubro de 2015 0 Comments

Parabéns Sr. Juiz Eliézer Siqueira de Sousa. ALUNO QUE PROCESSOU PROFESSOR POR TER TOMADO CELULAR EM SALA DE AULA PERDE CAUSA NA JUSTIÇA!!! O juiz.

Saiba mais

Suspensão dos concursos públicos federais: crise ou oportunidade?

21 de outubro de 2015 3 Comments

por Marco Antonio Araujo Junior O Governo Federal, em resposta à crise que afeta o equilíbrio das contas da União, divulgou uma série de medidas de.

Saiba mais

Aula de Intolerância

19 de outubro de 2015 0 Comments

Mauro IasiEis o que o comunismo quer oferecer ao Brasil.

Ao invés de união, reconciliação e paz, a proposta é ódio, paredão e fuzilamento.

Lamentável que um professor universitário proponha (vídeo abaixo) o ódio e não o diálogo e a construção daquilo que a Constituição diz (veja arts 1º. a 4º., CF).

Não sou comunista, mas aos comunistas ofereço minha amizade, boa fé e disposição para acharmos caminhos comuns e para o bem coletivo. Não ofereço ódio, nem fuzilamento.

Se você é comunista, e sei que há pessoas de bem que são comunistas, sugiro que reflita se é com esse ódio que vamos melhorar o mundo.

Eu aposto no amor, que foi a arma de Gandhi, Luther King Jr, Mandela, Desmond Tutu e Jesus.

Olhe bem as teses que você elege. O discurso de ódio só traz ódio… e gentileza gera gentileza.

POPE: Professores de Orientação Profissional e Educacional

5 de outubro de 2015 2 Comments

Queridos, eis uma ideia que eu tive. Digam o que acham!

Dia 28/11 completamos 5 anos da invasão do complexo do Alemão pela polícia. Foi um momento importante, mas não tivemos a ocupação que funciona, com educação, cultura e cidadania. Minha proposta é que as “invasões” sejam com aulas,
professores, música, livros, esperança e oportunidades.

Estou marcando com amigos professores, notários, dentistas etc. uma “invasão” diferente. Estou montando um batalhão de professores. É o POPE:Professores de Orientação Profissional e Educacional.

POPE
O que vocês acham?

Nota Oficial: FIESP e FIRJAN em prol da governabilidade

28 de setembro de 2015 0 Comments

por FIESP / FIRJAN [Confira Nota Original] A FIESP e a FIRJAN vêm a público expor sua perplexidade com a inação do Governo diante da.

Saiba mais

Suspensão Parcial dos Concursos

15 de setembro de 2015 2 Comments

  por Bruno Guilhen Como sempre acontece, parece filme de sessão da tarde, o governo está transferindo para a população a amarga conta das suas.

Saiba mais

Ajuste Fiscal e Suspensão dos Concursos – Mensagem para os Concurseiros

15 de setembro de 2015 1 Comment

por William Douglas O Governo Federal voltou à antiga, nociva, equivocada e pouco inteligente prática de, para fazer caixa, suspender os concursos. A notícia caiu.

Saiba mais

Alerta da ANPAC sobre Proposta de Orçamento para 2016

31 de agosto de 2015 0 Comments

ANPAC

Carta Aberta ao Ministro Presidente do STF

28 de julho de 2015 80 Comments

por William Douglas Caro colega de magistratura, Excelentíssimo Ministro Ricardo Lewandowski, Dirijo-me a V.Ex.a, na qualidade de juiz federal premiado por produtividade – e que.

Saiba mais

Exoneração é a solução?

27 de julho de 2015 7 Comments

por William Douglas  “Já que os servidores estão insatisfeitos por que não pedem exoneração dos cargos e vão tentar um emprego melhor?” – indagou um.

Saiba mais

Aluno que processou professor por ter tomado celular em sala de aula perde causa na justiça

7 de julho de 2015 19 Comments

Adaptado de Bahia Notícias [Veja o original] O juiz Eliezer Siqueira de Sousa Junior, da 1ª Vara Cível e Criminal de Tobias Barreto, no interior do.

Saiba mais

Bolsas William Douglas-Educafro [Comunicado Importante]

6 de julho de 2015 16 Comments

por William Douglas Estamos contabilizando as notas e fazendo a distribuição das bolsas de acordo com a ordem de classificação nos testes que efetuamos pela.

Saiba mais

AJUFE apoia reajuste dos servidores do judiciário

3 de julho de 2015 0 Comments

A AJUFE declarou seu apoio ao reajuste dos servidores do judiciário e ao PLC 28-2015 em ofício divulgado pela entidade. [Confira o Ofício completo aqui]

Saiba mais

O importante é ser feliz

23 de junho de 2015 0 Comments

por William Douglas   Já falei anteriormente sobre a ditadura da moda e o que ela pode causar nas pessoas e ao me deparar com esse post.

Saiba mais

Quando a metade pode ser maior que o todo

22 de junho de 2015 0 Comments

por BBC Brasil   O japão discute se uma negra, filha de norte-americano com japonesa, pode representar o Japão no Miss Universo. Torço para que.

Saiba mais

EDUCAFRO lança programa de Bolsas William Douglas

14 de junho de 2015 4 Comments

por Educafro Serão mais de mil bolsas em preparatórios de Concursos Públicos! Esta é sua chance! Com coordenação de William Douglas e foco em pessoas.

Saiba mais

CNJ aprova cotas para negros em concursos para servidores e juízes [EDUCAFRO]

10 de junho de 2015 0 Comments

por Carolina Brígido /O Globo [Confira Notícia Original]   O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) aprovou nesta terça-feira resolução reservando 20% das vagas de concursos.

Saiba mais

Zara é autuada por não cumprir acordo para acabar com trabalho escravo

14 de maio de 2015 0 Comments

por Âmbito Jurídico [confira notícia original] Zara, Roupas bonitas com histórias feias são roupas feias… Explica isso aí. Queremos saber que história é essa de trabalho escravo. Sem.

Saiba mais

Carta de São Paulo [AJUFE]

15 de abril de 2015 0 Comments

Carta de São Paulo O I Fórum Nacional das Execuções Fiscais (Fonef) chegou ao fim, nesta quarta-feira (15), com a aprovação da Carta de São.

Saiba mais

33 Concursos Públicos Pagam Salários de até R$30,4 mil

15 de abril de 2015 0 Comments

por Camila Pati (Exame.com) [Ler Original] O portal da Revista Exame.com fez um levantamento sobre as oportunidades de concursos disponíveis e listou algumas opções bastante atraentes para.

Saiba mais

Grávida de 6 meses passa em TAF da Polícia Federal

25 de março de 2015 2 Comments

por William Douglas Hoje, li um artigo contando a história de uma mulher, grávida de 6 meses, que foi aprovada no Teste de Aptidão Física para.

Saiba mais

Exame da OAB [Mensagem]

17 de março de 2015 1 Comment

por William Douglas 3 mensagens conforme pontuação: – 40 ou mais pontos – – 35 a 39 pontos – – Menos de 35 pontos –  .

Saiba mais

Mantida decisão que determinou nomeação de candidatos aprovados em concurso do DF

16 de março de 2015 0 Comments

por STF Notícias [leia o post original] O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski, manteve decisão do Tribunal de Justiça do Distrito.

Saiba mais

O Valente não é Violento [Campanha]

16 de março de 2015 0 Comments

Valente3

Curso Online Como Passar em Provas e Concursos

27 de fevereiro de 2015 6 Comments

 

Informativo - Curso Online - Arte Resumida

Conheça mais sobre o curso online, acesse: www.williamdouglas.com.br/cursoonlinecppc

Curso Gratuito com Prof. Mauro Lopes

30 de janeiro de 2015 1 Comment

O professor, juiz federal e escritor Mauro Lopes tem um curso sobre Mandado de Segurança disponível gratuitamente em seu canal de vídeos do Portal Master.

Saiba mais

640 Vagas na Federal de Santa Maria [Educafro]

27 de janeiro de 2015 0 Comments

por Educafro A Universidade Federal de Santa Maria torna público que, no período de 26 a 30 de janeiro de 2015, estarão abertas as inscrições.

Saiba mais

Bolsas de 100% na Unicastelo [Educafro]

27 de janeiro de 2015 0 Comments

por Educafro A Educafro conseguiu, apenas para os ingressantes nesse primeiro semestre de 2015, um Plano Especial para bolsas de estudo de 100% na Unicastelo! Como.

Saiba mais

TJ-RJ solta preso que não foi apresentado a juiz em 24h

26 de janeiro de 2015 0 Comments

por Consultor Jurídico [Leia o post original] A campanha liderada por órgãos do Judiciário para possibilitar a apresentação dos presos em flagrante a um juiz em até.

Saiba mais

William Douglas e Rubens Teixeira entre os Mais Vendidos de 2014

21 de janeiro de 2015 0 Comments

Saiu hoje, na PublishNews, o ranking dos autores e editoras que mais venderam no ano de 2014 e tive o prazer e a felicidade de aparecer.

Saiba mais

Curso On-line Como Passar em Provas e Concursos [CHAMADA]

21 de janeiro de 2015 0 Comments

por William Douglas Este ano colocarei no ar, pela primeira vez, um CURSO ON-LINE SOBRE COMO PASSAR EM PROVAS E CONCURSOS. O curso terá 7h30.

Saiba mais

10 Oportunidades de Estudo que Você Talvez não Conheça

12 de janeiro de 2015 0 Comments

por Educafro 1° COTAS NAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS Todos (as) guerreiros(as) com espirito Educafro irão se preparar para disputar as cotas para brancos pobres, negros e.

Saiba mais

As 25 Leis Bíblicas do Sucesso em Portugal

27 de novembro de 2014 0 Comments

_capa_As 25 LEIS BIBLICAS DE SUCESSO APROVADO A5Queridos,

Compartilho a capa do livro As 25 Leis Bíblicas do Sucesso, em sua primeira edição portuguesa! Agora o 25 leis é internacional, publicado pela Ed Self Desenvolvimento Pessoal.

O livro já está a venda nas livrarias de Portugal!

Depois de ser 1º colocado nas listas de mais vendidos da Veja, Você/S/a, Folha de SP, Valor Econômico e PublishNews, e um dos 10 mais vendidos de 1013 (Revista Veja), agora está na Europa.

Este mês também sai a edição em espanhol, e já fechamos contrato com a Hungria e Letônia.

Agradecemos a todos pelo apoio e torcida, e – mais do que ninguém – agradecemos a Deus, que ao inspirar a Bíblia nos deu o material de base para o estudo laico que o nosso livro representa.

Abcs,

William Douglas e Rubens Teixeira

 

As modelos que me perdoem, mas ter curvas é fundamental

26 de novembro de 2014 0 Comments

por William Douglas Eu não tenho nada conta modelos, ou contra as mulheres muito magras, mas a ditadura da moda e dos corpos “perfeitos” tem.

Saiba mais

Produtividade Varas Federais de Niterói [Jan-Out/2014]

12 de novembro de 2014

por William Douglas Vocês estão mais acostumados a me ver como professor, escritor e palestrante, mas esta aqui é minha função principal. Embora com menor.

Saiba mais

Campeão de Tiro Prático

5 de novembro de 2014 0 Comments

campeão estadual de tiro pratico

É com muito orgulho que informo que meu colega de infantaria, dos tempos do serviço militar, bom homem, bom policial, ganhou o campeonato de tiro prático levando o nome da Polícia Civil e do Serviço Público para o alto.

Parabéns, Delegado de Polícia Marcelo Franco Marino!

Em quem vou votar

20 de outubro de 2014 0 Comments
por William Douglas

Várias pessoas estão me perguntando em quem eu vou votar. Sobre isso, respondo aqui. Não dá para responder de forma rápida e curta porque o que acho que vale para o leitor será validar ou não os critérios de raciocínio. Minha escolha não importa, mas sim em discutirmos como deveria ser a melhor escolha.Embora seja um direito, acho errado alguém votar nulo ou branco já que o momento é extremamente grave. Escolha-se o menor pior, é o que sugiro. Qual é o menos pior? Escolha usando critérios razoáveis e lógicos. Vamos lá: (mais…)

Carta Aberta aos Candidatos à Presidência

14 de outubro de 2014 0 Comments

Caros concurseiros e cidadãos interessados no tema, segue Carta Aberta sobre Concursos Públicos que enviei aos dois candidatos. Se ler e concordar, favor compartilhar a mensagem.

Solicito a gentileza de colocar o tag  #CartaAbertaConcursosPublicos, ok?

Espero que goste.

Abs, william douglas
(mais…)

Nota Pública da AJUFE sobre Auxílio-Moradia

9 de outubro de 2014 0 Comments

Nota pública – Auxílio-moradia

A Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho – ANAMATRA, a Associação dos Magistrados Brasileiros – AMB e a Associação dos Juízes Federais do Brasil – AJUFE, entidades nacionais que representam os magistrados brasileiros, vêm a público prestar os devidos esclarecimentos em razão da Resolução nº 199/2014 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que regulamentou o pagamento do auxílio-moradia, o que o fazem nos seguintes termos: (mais…)

Revisão de Vencimentos: A CF, a Presidência da República e o STF

3 de outubro de 2014 0 Comments
por William Douglas

O Supremo Tribunal Federal retomou ontem o julgamento do Recurso Extraordinário (565089) onde é discutida a questão da Revisão Geral Anual dos Servidores públicos, direito previsto no art. 37, X, da Constituição da República, e que, em razão da omissão do Poder Executivo, vem mantendo o funcionalismo público em situação degradante.

O caso trata da possibilidade de indenização aos servidores em razão da omissão do governo em cumprir o que determina a Constituição.  (mais…)

Ramo mais Produtivo do Judiciário é Preterido em Investimentos e tem Sobrecarga de Trabalho, diz Ajufe

24 de setembro de 2014 1 Comment

por Frederico Vasconcelos [Ver matéria original] A seguir, a avaliação feita pela Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) sobre o relatório “Justiça em Números“,.

Saiba mais

Reflexões Trazidas pela Igreja e por Juristas Católicos

19 de setembro de 2014 0 Comments

Eleições 2014

Orientações para as Comunidades Católicas da Arquidiocese de São Paulo

1. Nas eleições de 2014 estão em jogos os cargos de Presidente e Vice Presidente da República; de 1 Senador por Estado; Deputados Federais; Governador e Vice Governador do Estado; Deputados Estaduais.

2. A eleição é uma oportunidade para confirmar os políticos e os partidos que estão nos cargos públicos e o modo como estão governando e legislando; ou para mudar os mandatários e os resumos da política do País e do Estado. Os cristãos são chamados a participar ativamente na edificação do bem comum, escolhendo bons governantes e legisladores e acompanhando com atenção o exercício de seus mandatos.

3. É importante conhecer bem as propostas dos candidatos e dos partidos aos quais estão filiados. Voto consciente é dado com conhecimento. O voto tem consequências e revela a vontade do povo e suas aspirações.

4. Atenção à corrupção eleitoral. A Lei 9.840, de 1999, veio para moralizar a vida política do Brasil; ela condena o abuso do poder econômico nas campanhas eleitorais e a compra de votos. Os candidatos denunciados e condenados em força dessa lei podem ter seu registro negado ou diplomado cassado, além de receber multas. Os fatos de corrupção eleitoral devem ser denunciados à Justiça eleitoral.

5. Candidato precisa ter ficha limpa. Desde 2010, está em vigor a Lei complementar 135 (“Lei da Ficha Limpa”). Por ela, políticos já condenados por crimes eleitorais ou outros, previstos nessa lei, tornam-se inelegíveis pelo tempo previsto na sua condenação. A aprovação dessa lei, de iniciativa popular, contou com expressiva participação das comunidades e organizações da nossa Igreja. É preciso ter credibilidade para representar o povo, legislar, governar e administrar o patrimônio e o dinheiro públicos.

6. Dar o voto a políticos comprometidos com o bem comum e não, apenas, com interesses privados ou de grupos restritos. O exercício do poder político é um serviço ao podo e ao País; por isso, ele deve estar voltado para as grandes questões, como a promoção de bem estar, condições de educação, saúde, moradia digna e trabalho com justa remuneração para todos, saneamento básico, respeito pela vida e a dignidade humana, superação da violência, proteção e promoção da família e do casamento, justiça e solidariedade social, respeito à natureza e ao ambiente da vida.

7. Não votar em candidatos comprovadamente corruptos, envolvidos em escândalos, que promovam discriminação ou intolerâncias, ou tenham como parte de seu programa e partido a aprovação de leis contrárias à justiça, aos direitos humanos, ao pleno respeito pela vida humana, à família e aos princípios da própria fé e moral.

8. Religião e política: quem tem fé religiosa é cidadão com direitos e deveres iguais a qualquer outro cidadão; por isso, as pessoas de fé são chamadas a se empenharem na política, cumprindo conscienciosamente seus deveres cívicos, exercendo cargos públicos com dignidade, competência, honestidade e generosidade.

9. É orientação da Igreja Católica Apostólica Romana que os membros do clero, em vista de sua missão religiosa, se abstenham de exercer cargos políticos ou de militar nos partidos. A política partidária é espaço de atuação dos cristãos leigos, que neles podem exercer melhor seu direito e dever de cidadania, orientados pelos princípios da fé e da moral cristã, e contribuir para a edificação do bem comum.

10. Os tempos e lugares de culto, bem com os eventos religiosos, não devem ser usados para a propaganda eleitoral partidária (cf Lei 9504, art. 37 parágrafo 4º). A Igreja Católica Apostólica Romana valoriza a liberdade de consciência e as escolhas autônomas dos cidadãos. A religião não deve ser usada como “cabresto político” e as comunidades da Igreja não devem ser transformadas em “currais eleitorais”.

11. No entanto, os católicos são convidados a se reunirem civicamente para fazer o discernimento sobre as propostas dos partidos e sobre os candidatos, dando seu voto a quem, em consciência, julgarem mais idôneo e merecedor de sua confiança.

12. A participação política deve levar ao engajamento em ações permanentes para a melhoria da vida política local e nacional, através:

a) do acompanhamento crítico das ações dos governantes e legisladores e dos gestores públicos do Executivo, Legislativo e Judiciário;

b) da participação em organizações comunitárias locais, como os Conselhos Partidários, Associações e diversos serviços voltados para o bem comum;

c) de ações voltadas a promover leis importantes “de iniciativa popular”, como prevê a Constituição Brasileira de 1988 (cf art. 14);

d) do apoio a decisões e ações políticas acertadas e importantes; ou da desaprovação de decisões e ações políticas equivocadas ou inaceitáveis.

Palavra do Papa 

Sobre o papel do Estado e da Política:

“A justa ordem da sociedade e do Estado é dever central da Política. Um Estado, que não se regesse pela ordem justa, reduzir-se-ia ao um bando de ladrão, como disse Santo Agostinho (cf. Cidade de Deus, IV, 4)… A justiça é o objetivo e, por consequência, também a medida intrínseca de toda política. A política dos ordenamentos públicos: a sua origem e seu objetivo estão precisamente na justiça e esta é de natureza ética” (Bento XVI, Deus caritas est, 2005, n.28).

Sobre a relação entre Igreja e a Política:

É dever da Igreja “contribuir para a purificação da razão e para o despertar das forças morais, sem as quais são se constroem estruturas justas, nem estas permanecem operativas por muito tempo. Entretanto, o dever imediato de trabalhar por uma ordem justa na sociedade é próprio dos fieis leigos, os quais, como cidadãos do Estado, são chamados a participar pessoalmente na vida pública. Não podem, pois, abdicar da múltipla e variada ação econômica, social, legislativa, administrativa e inconstitucionalmente o bem comum (Bento XVI, Deus caritas est, n.29).

Sobre a relação entre fé cristã e vida social e política:

“Ninguém pode nos exigir que releguemos a religião para a intimidade secreta das pessoas, sem qualquer influência na vida social e nacional, sem nos preocupar com a saúde das instituições da sociedade civil, sem nos pronunciar sobre os acontecimentos que interessam aos cidadãos” (Papa Francisco, Evangelii Gaudium, 2013 n.183).

Secretariado de Pastoral da Arquidiocese de São Paulo

Eleições 2014

 

 

Punindo Juízes

1 de setembro de 2014 0 Comments

Colegas, Conforme publicado no Diário Oficial da União de hoje, a Presidente Dilma Rousseff vetou o artigo 17 do PL 2201/11, que criaria a Gratificação.

Saiba mais

Nota de Apoio – Honorários dos Advogados Públicos

27 de agosto de 2014 0 Comments

Caros amigos, Acabei de assinar e enviar Nota de Apoio que repito abaixo. Quem concordar, peço que COMPARTILHE. NOTA DE APOIO Por meio da presente.

Saiba mais

Marco Civil da Internet e Contratos Eletrônicos, por Leandro Velloso

25 de agosto de 2014 0 Comments

Leandro Velloso 1

(mais…)

Para ser um “bom memorizador”

14 de julho de 2014 0 Comments

por William Douglas Li a matéria publicada no site do Guia do Estudante com a seguinte chamada: “Um campeão de concursos públicos, o melhor “atleta.

Saiba mais

Quem nunca levou uma goleada atire a 1ª pedra

10 de julho de 2014 0 Comments
por William Douglas

 

Eu levei mais de 7 gols nos concursos, no amor, no dever de fazer o bem, de fechar a boca, de avaliar pessoas e por onde ir nas encruzilhadas.

Se levar gols demais faz surgir o dever de se desculpar, quero ser o primeiro: me desculpem.

Peço desculpas e não levarei as pedras. Vou com minha camisa, vou torcer pelo meu time.

7 gols não bastam para matar um grande amor.

Vergonha? Nunca, ao menos, não disso. Tenho vergonha da corrupção, das falcatruas, do brasileiro que fala mal do governo e dentro de seu cantinho furta, frauda, faz malandragem, explora o outro. Jogar e perder, mesmo de 7, é do jogo.

Espero é que a gente aprenda a lição no futebol e fora dele.

No futebol como na vida, amanhã tem outro jogo.

Davi Luis

O que alguns gostariam que acontecesse…

9 de julho de 2014 0 Comments
MIB_7x1por William Douglas

 

Primeiro, lembrar que os jogadores, com apagão ou não, com sete gols ou não, tentaram. E isso não é vergonha nenhuma. Aliás, não tenho vergonha do placar e não preciso esquecê-lo.

Eu respeito e aplaudo meu time, e mais ainda o técnico. Ele sempre será o técnico do nosso Penta. Não vai ser um jogo ruim que tirará isso dele.

Não tenho vergonha alguma do jogo, embora esteja dilacerado com o resultado e o placar elástico. Vergonha eu tenho é das agressões a um torcedor alemão, é de brasileiros quebrando o  Mineirão por causa da derrota, ou de vaiarem nossa seleção. Lembro que na Copa ocorrida na Alemanha, após o time local perder a semifinal, o estádio o aplaudiu, cantou para ele uma canção de orgulho, honrou-o. Sinto vergonha é do preço dos nossos estádios, dos viadutos que caem, das boates esquecidas (Kiss e outras), das refinarias mal compradas e outras inconclusas, e tudo caro. Do meu time, sinto orgulho; dos alemães, inveja.

Os alemães, ah, os alemães! Espero que todos se lembrem que eles estão há seis anos trabalhando esse grupo, que construíram (rápido e sem superfaturamento) um Centro de Treinamento no Brasil para dar melhores condições aos atletas. Aliás, fazem isso na educação etc., lá na Alemanha.

Espero que todos lembrem que eles realizaram treinamentos  ao meio-dia, sol a pino.

Espero que lembrem que não apostam nos valores individuais, embora os tenham,  mas sim no time. Não têm tantos dribles, mas passam a bola, jogam junto e o resultado disso é que, mesmo sem ser prioridade, os valores individuais aparecem. Não têm “salvadores da pátria”, nem no time nem na política.

Quem perdeu não foi nosso time, quem perdeu esse último jogo foi nosso jeito de ser brasileiros. Daí, éramos nós ali, todo o tempo. Vaiar o time é vaiar nosso jeito coletivo de levar a vida. Quem deve pedir desculpas não é o David Luiz, somos nós mesmos. E começar a jogar diferente. Quem precisa de renovação não é a seleção brasileira: é nossa política, nosso serviço público e cada cidadão que reclama da corrupção, mas vive de jeitinhos, sonegando, trapaceando, fraudando, trabalhando ou estudando o menos que puder. Desculpas, devemos todos. E, mais que elas, devemos a nós mesmos uma grande mudança. Por isso, espero que ninguém esqueça esse dia.

Quanto ao meu time, e minha camisa, me perdoem os que pensam diferente, mas sete gols não matam um grande amor.

Sábado, estarei no estádio com minha camisa. Vençam, ou não, estarei lá para aplaudi-los. O grande jogo, aquele no qual não podemos ter nem apagão nem derrota, é o jogo para mudar o jeito brasileiro de levar a pátria.

 

Produtividade Varas Federais de Niterói [Jan-Dez/2013]

13 de junho de 2014 1 Comment

por William Douglas – JANEIRO A DEZEMBRO 2013 –    SENTENÇAS  DESPACHOS DECISÕES CONVERTIDOS  Média das Demais Varas Federais de Niterói  744 3843 1140 113.

Saiba mais

A Constituição “conforme”o STF

30 de maio de 2011 0 Comments

por Ives Gandra Escrevo este artigo com profundo desconforto, levando-se em consideração a admiração que tenho pelos ministros do Supremo Tribunal Federal brasileiro, alguns com.

Saiba mais

Niterói não pode esquecer: não é a chuva que mata

9 de abril de 2010 0 Comments

por William Douglas Escrevo, pois vários niteroienses estão desesperados, sem nada além da roupa do corpo, tendo perdido familiares, casa, tudo. A situação da cidade.

Saiba mais

O quanto de Boris existe em você?

6 de janeiro de 2010 0 Comments

por William Douglas Após ouvir lixeiros desejarem “feliz 2010”, Boris Casoy disse “… que m—-, dois lixeiros desejando felicidades do alto de suas vassouras… (risos).

Saiba mais

STF apura fraude envolvendo juízes do Rio de Janeiro

19 de maio de 2009 0 Comments

por Jornal O Globo Seis juízes fluminenses têm prazo de 30 dias, concedido pelo ministro Eros Grau, para defesa em ação instaurada no Supremo Tribunal.

Saiba mais

Câmara Aprova 1ª Proposta do Pacto Republicano

18 de maio de 2009 0 Comments

por William Douglas Prezados amigos: A Câmara aprovou a criação dos juizados especiais da Fazenda Pública, proposta do Pacto Republicano. Bem, eu já havia formulado.

Saiba mais

Racismo

8 de maio de 2009 0 Comments

por William Douglas Prezados amigos, é uma pena ter que compartilhar isso, mas me parece pertinente. Recebi uma mensagem ofensiva no tópico “Carta Aberta ao.

Saiba mais

Brasil está fora do projeto da Estação Espacial Internacional

30 de maio de 2007 0 Comments

por Agência Estado “O Brasil não deverá mais participar de qualquer projeto relevante que envolva as atividades na Estação Espacial Internacional. No entanto, as portas.

Saiba mais

Exclusão de Candidato por Tatuagem

12 de dezembro de 2005 0 Comments

por Migalhas É ilegal exclusão de candidato de concurso público por possuir tatuagem. A Quinta Turma do TRF da 1ª região, sob a relatoria do.

Saiba mais