Aviso Afixado na Porta de um Consultório Médico

por Antônio Carlos Moreno/Alena

O resfriado escorre quando o corpo não chora.

A dor de garganta entope quando não é possível comunicar as aflições.

O estômago arde quando as raivas não conseguem sair.

O diabetes invade quando a solidão dói.

O corpo engorda quando a insatisfação aperta.

A dor de cabeça deprime quando as duvidas aumentam.

O coração desiste quando o sentido da vida parece terminar.

A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável.

As unhas quebram quando as defesas ficam ameaçadas.

O peito aperta quando o orgulho escraviza.

O coração infarta quando chega a ingratidão.

A pressão sobe quando o medo aprisiona.

As neuroses paralisam quando a “criança interna” tiraniza.

A febre esquenta quando as defesas detonam as fronteiras da imunidade.

Procure ajuda, se identificar que algo ‘não anda bem’. Procure amigos(as) e Profissionais da Saúde, como Médicos e Psicólogos.


IMPORTANTE:

Tais informações não deverão, sob hipótese alguma, serem utilizadas como substituto para um diagnóstico médico ou para tratamento de qualquer doença. É imprescindível uma consulta com Médico(a) Especialista.

Assim sendo, desejo que você se cuide … porque sua saúde e sua vida dependem – também – de suas ESCOLHAS!